Quinta do Valle

Localização: Tomar

A Quinta de Sant’Ana da Guerreira (Valle) é instituída cabeça de vínculo em 1550, na mesma época em que o seu fundador constrói a Capela dos Valles no Convento de Santa Iria em Tomar, mantendo os seus descendentes a propriedade na família até hoje.

A Casa da Quinta de Sant’Ana da Guerreira centra um conjunto de edifícios de grande beleza e rigor arquitectónico, característicos dos assentos de lavoura das casas agrícolas portuguesas. Ao longo de várias gerações e com o decorrer dos séculos, foi-se adaptando às exigências de cada época, mas mantendo sempre a nobreza e formosura de uma casa senhorial. Envolve este assento de lavoura, fulcro da Quinta, uma paisagem em atmosfera marcadamente característica da região que tanto encantou os primeiros Templários, permitindo a magia da conciliação de um frondoso e secular recolhimento.

Perfeitamente integrada numa harmonia de serena beleza campestre, tão característica das casas e herdades ribatejanas de que esta casa é exemplo marcante encontra-se uma bela e ampla piscina capaz de proporcionar o prazer refrescante que satisfaz o mais exigente.

A Quinta do Valle dispõe de sete apartamentos, um dos quais ligado directamente à casa senhorial.

O Complexo Turístico resultou de um aproveitamento harmonioso das construções pré-existentes ligadas à actividade agrícola.

No seu restauro foi respeitada toda a traça arquitectónica original e introduziram-se elementos de conforto essenciais a quem procura descanso e prazer.

Junto dos apartamentos, um antigo celeiro de 140m2, foi convertido numa sala grande equipada com cozinha autónoma e uma grande lareira para lhe proporcionar o conforto e rapidez de serviço indispensáveis a grandes acontecimentos tais como reuniões de quadros empresariais, casamentos, baptizados, um simpósio médico ou uma simples reunião de amigos ou familiares.